“Mistério” Gilmar Mendes desembarca em Lisboa e desaparece, siga


Gilmar Mendes desembarca em Lisboa mas não é visto em velório, o jurista compõe comitiva oficial de homenagem a ex-presidente Mário Soares e é dado como mistério seu desaparecimento no momento do velório.

Pivô principal das críticas que envolveram a viagem do presidente Michel Temer a Portugal, o ministro do Tribunal Superior Eleitoral, Gilmar Mendes, não foi visto na delegação oficial brasileira que foi “levar as condolências do povo brasileiro” pela morte do ex-presidente Mário Soares, na manhã desta terça-feira (10).

Questionado sobre a presença do jurista na cerimônia fúnebre, no Mosteiro dos Jerônimos, e na reunião com o presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, no Palácio Nacional de Belém, nesta terça-feira (10), o Itamaraty preferiu o silêncio e deixou os jornalistas sem notícias. Mendes desembarcou em Lisboa nesta madrugada.

A informação divulgada inicialmente pelo cerimonial era de que o ministro do TSE “estaria sentado na fila imediatamente atrás de Temer”. Mais cedo, e acompanhado do ex-presidente José Sarney, Temer lembrou que Mário Soares ajudou a estreitar os laços entre os dois países.

“Este nosso gesto vai reforçar a ligação entre Brasil e Portugal, enaltecida ao longo do tempo pela figura exponencial de Mário Soares”, declarou. Por fim, revelou que trazia também o pesar do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, “amigo pessoal de Mário Soares, com quem chegou a publicar um livro”, lembrou.

A visita oficial do presidente a Portugal é cercada de críticas pelo fato de ele se ausentar do do país em meio a uma grave crise no sistema penitenciário, com rebeliões em série e detentos barbaramente assassinados dentro das unidades prisionais. Com informações do jornalista Álvaro Filho.

Por: Agencia de Noticia


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

log in

reset password

Back to
log in